CONTADOR

terça-feira, 29 de setembro de 2009

CHEGA-TE A MIM

























Chega-te a mim
e canta uma canção de amor
daquelas simples
para que toda eu entenda.
Não lhe dês fim,
somente um “continua”… .
Abraça com muita força e calor
a minha alma nua.
Dá-me a tão querida prenda
da sinceridade dum verdadeiro sentimento.
Espelha-me nele
cola-me a ti
e eleva-me no teu voar ligeiro.
Sente o momento
deixando nos meus olhos
o amor que vi nos teus.
Varre a saudade
em ti achando ninho
pois acredita não haver fatalidade
que separe o teu do meu caminho.

Liliana Josué

2 comentários:

ilze disse...

Amiga querida, meus parabens por este espaço poetico lindo, bem organizado, com imagens maravilhosas! Um beijo pra voce, com todo meu carinho

Liliana Josué disse...

Obrigada Ilze pelo seu agradável comentário.
Um beijo para si com toda a minha gratidão.