CONTADOR

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

As Estrelas no Natal



Cristais de gelo vestiram meu corpo de frio; pedras lindas, preciosas; lágrimas do céu debulhadas pelo chão. E tudo se tingiu de branco transparente.
Há muito que o sol se despedira, correndo através do horizonte. Foi galantear outras terras com sorrisos largos e quentes que elas, em sinuosas ondulações, aceitavam e queriam.
A noite chegou de mansinho em ares de menina caprichosa. Acariciou os adormecidos crisais e por mim roçou o seu frio manto numa alegria etérea; brincou com as sombras das nuvens, desaparecendo elas como ninfas fugindo ao seu perseguidor.
A nívea lua adormeceu no seu quarto minguante, enquanto esperava serenamente a metamorfose ada lua nova.
Brancas farripas de neve deslizaram do alto, juntando-se aos seus enamorados cristais fundindo-se num só ser, pois assim é o amor.
As estrelas rebentaram no céu negro e austero em forma de deus mítico. Elas,cintilavam na excitação do seu existir e brilhavam tanto, que meus olhos choraram só de as olhar
Surgiam as desejadas estrelas de Natal, no seu trage mais rico do ano.
Pedi-lhes um beijo no estase da minha alma. Elas no seu majestático porte ofereceram-me o seu sorriso, enquanto um sopro terno percorreu meu corpo e minhas faces.
Uma, maior que todas as outras, desenhou flamejante cauda no firmamento enquanto dançava uma valsa embaladora envolta nos seus sete véus num pronuncio do maravilhoso que estava prestes a acontecer.
Todas as outras se lhe juntaram num cântico de luz, melodia e cor. O frio fustigava-me o corpo tenso, mas sem saber porquê aquecia-se-me a alma num querer espalhar amor por todo o mundo.
Juntei-me a elas e mais uma estrela brilhou no céu, enquanto ao longe se ouvia um sumido choro de criança recém-nascida.

Liliana Josué

2 comentários:

Anónimo disse...

Liliana, lindo, emocionante seu texto de Natal! que o Pai do Céu lhe dê um Natal de paz, amor e muitas alegrias. Abraço.

Liliana Josué disse...

Agradeço o gentil comentário que me fez. Só tenho pena de não saber quem foi.

Um abraço e muito obrigada.