CONTADOR

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014




GOMORRA

Vi vespas
Vi escarros
Vi moscardos também
Vi escravos medrosos untando o ego de gente sem dó
Vi o desdém de quem é cruel
Vi uma frieza de partir os ossos

Virei a cabeça
chorei para dentro do meu corpo

senti a dor do faminto de amor
e os olhos de cães magoados sem darem por mim

vi toda a maldade fechada num quarto

basta, não quero ver mais

nem tornar-me assim.

Liliana Josué

Sem comentários: